“Rejeição”, ou um dos sentimentos mais pesados na Vida.

citacoes-sobre-abandono-4

 

 

É pesado. Causa medo, pânico e afins. Não há muitas coisas neste mundo, capaz de provocar uma tamanha reacção pesada no coração. Criamos pesos, nervos e uma tamanha ansiedade só porque temos medo de ser rejeitados. Como se uma rejeição causasse um buraco na nossa alma, no nosso coração. Até somos capazes de acreditar que uma eventual rejeição é devido a alguma característica nossa e não por algo do outro lado. Não é por sermos rejeitados no amor, na amizade ou num emprego que perdemos o nosso valor, a nossa essência. Isso nunca se irá perder nem com mil rejeições. O nosso ego até poderá ficar em baixo, criamos maneira de nos magoarmos a nós mesmos. E isso é errado. A nossa maneira de ser mesmo que não agrade a uma pessoa, irá agradar certamente a outras cem. Temos de cultivar é os pensamentos positivos, valorizarmos enquanto pessoa e seguir um calma e paz o caminho que está destinado para nós. Não tem valor nenhum reflectir o peso de uma rejeição para a nossa própria essência. Isso é abrir caminho para nos massacrarmos, para diminuirmo-nos, quando tudo o que precisamos é de acreditar que tudo tem uma razão e que essa razão não tem de ser culpa nossa. Há rejeições que vem por bem, pois fazem com que nos erguemos perante tudo. É isso que temos de mentalizar. É isso que temos de ter na nossa mente. É porque essa situação não tinha de ser, e algo melhor estará esperando por nós. A rejeição pode ser vista como um GPS, há sempre caminhos diferentes para o mesmo final feliz. Não é por te teres enganado no caminho, ou teres entrado num beco sem saída, que não consegues arranjar solução. A rejeição pode ser em vez de uma crise emocional, de facto uma real oportunidade para algo melhor que esperavamos. Saber lidar e perdoar com o processo de uma rejeição é fundamental para superarmos tudo. Desejar o bem e saber ser superior é outro dos passos para sermos mais firmes nos passos que damos para esse futuro radiante. Pois nunca deveremos esquecer o seguinte:

As almas que parecem perdidas, muitas vezes são encontradas.

Anúncios

Rejeito o Medo, pois há mais vida para além.


10492026_10152685938146055_6290124391443849101_n

 

 

Medo. Quatro letras que transmitem uma imensidão de negatividade forte em quem a possui. A angústia, agonia e dor que proporciona nos seus momentos de controlo, cria pesos emocionais em nós, dá alento a desistência e altera o nosso estado de consciência própria. Será que é complicado pararmos um pouco e pensarmos por um instante que pensamentos são estes ? Que pensamentos tem esta oportunidade de nos dominar e alterar a nossa química ? São sentimentos de culpa ? De acusação ? De perturbação ? Sejam do que forem e sobre o que são, só quando vermos realmente que temos o poder de afastar é que de facto a mudança pode ter a oportunidade de existir para alterarmos o que tem de realmente de ser alterado para o bem do nosso ser. Imaginemos uma praia que gostemos muito. Como é que gostaríamos dessa praia ? Cheia de lixo ? Com o Mar sujo ? É assim que temos de ver a nossa essência. Como algo que precisa de ser limpo para podermos apreciar a verdadeira beleza de ser. Afinal a praia é bela quando está limpa, com o Mar único, céu brilhante e com toda a beleza no seu esplendor. Assim somos nós. Só nos apreciamos verdadeiramente quando estamos realmente no nosso melhor. E isso é conseguido com a limpeza total daquilo que nos provoca sermos desequilibrados e desligados do que nos rodeia. Soltemos do passado e não criemos expectativas pesadas no futuro. Esses pensamentos são como pedaços de energia que nos fragilizam imenso. É no presente, neste preciso instante que temos as ferramentas mais do que necessárias para agir. Para fazer crescer, para construir algo de novo, algo que valha mesmo. Quando conseguimos impor aos nossos pensamentos, a energia positiva, a nossa maneira de pensar e de sentir, controlamos positivamente aquilo que é nosso para valorizar e cuidar. É um milagre da essência. Assim que nos apercebermos de tudo isto que aqui está escrito e sentimos, é como se uma nova janela de oportunidade se abrisse. E quando se abre, tudo pode acontecer. O medo é algo criado por nós. Se foi criado, pode igualmente ser desfeito. Sermos conscientes de tudo é a maneira de libertar dos medos e destes pesos. E conseguir tudo isto é o primeiro passo para sermos melhores na nossa vida presente.